Rapazes

Rapazes vestem azul e brincam com carros. Meninas vestem rosa e brincam com bonecas.

“Isso era o que se dizia antigamente” atira-me alguém da nossa geração!

Pois!…

Domingo de manhã. Acordo mais tarde e reina silêncio em casa. Apenas um zumbido longínquo chega ao meu quarto. Levanto-me para dar com o meu marido e o meu filho de 3 anos (repito 3 ANOS) em frente à televisão a verem atentamente Formula 1. Estão os dois demasiado absortos para olharem para mim. Um zum zum, zum horrível rosna na sala, mas eles estão deliciados! Enquanto tento alcançar ainda trôpega a máquina do café, eis que piso um carrinho de brincar. “Oh não mamã”, ouço do lado das boxes do sofá ” não pises o Porsche!”  O Porsche? Eu que nem sabia que os carrinhos de brincar tinham marcas! Quando era miúda as raparigas já podiam brincar com carrinhos, até se estimulava isso, mas  nunca foram nenhuma highlight. Quando brinquei com eles foi porque eram carros de cores giras e não  Fiats, Minis ou Mercedes!

Agora tenho que ler a auto magazine e  estar atenta às diferenças entre o género automóvel e ouvir a sua alma! Quando vamos de táxi o meu filho cumprimenta o taxista e o carro “Olá Táxi Skoda” e quando pergunta pela família pergunta se os carros respetivos estão bem! “Olá Vovô, e o Volvo, está bom?”. O cúmulo foi debaixo de um nevão, estando os carros todos cobertos de neve, tendo nós carapuços na cabeça e os olhos semi-cerrados para evitar que os  micro flocos gelados nos cegassem, o meu filho grita “mamã, mamã um Jaguar”! Do Jaguar só vi um farol a emergir  entre uma camada branca e fofa, mas no dia seguinte, quando a neve já derretera, confirmei que ele tinha razão. Aquele carro era um distinto Jaguar!

Ok, perguntei a outras mães de rapazes, para me assegurar que o meu filho não é obcecado ou desenvolveu um síndrome obsessivo viatural! Mas não. Feliz ou infelizmente  não estou só! Uma mãe disse-me mesmo que não sabe qual é a vantagem de viver junto a um parque já que o filho só gosta de ver garagens!!!!

É assim, os rapazes gostam de veículos e as meninas de bonecas. Os rapazes andam em grupo, as meninas fazem grupinhos, os rapazes são simples no vestir e as meninas querem ser princesinhas! Tanta luta feminista e acabamos nisto, a transmitir geneticamente estereótipos! Fixe!

2009

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s